3 ago 2016 - 23h43

Walterror!

Com dois gols de Walter, o Atlético venceu o Corinthians por 2 a 0, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena da Baixada. Os dois gols de Walter foram no segundo tempo, aos 31 minutos e aos 41 minutos. O Furacão tem agora 30 pontos na tabela, na sexta posição. O próximo compromisso do Atlético é no sábado, contra o Flamengo, às 18h30, no estádio Kléber Andrade, em Vitória, no Espírito Santo, pelo Brasileiro.

As duas equipes começaram o jogo com seus estilos característicos, de muito toque de bola e cautela ao atacar. Com estratégias parecidas, o rubro-negro foi melhor e levou mais chances de abrir o marcador. Aos 12 minutos, Hernani chutou de dentro da área entre três marcadores, mas a bola caiu rasteira nas mãos de Cássio. Aos 25 minutos, o mesmo Hernani cobrou uma falta de média distância e Cássio espalmou para o lado, mas a defesa paulista recuperou. Aos 35 minutos, os visitantes tiveram uma boa chance, com jogada de Fagner, que acreditou em bola que estava prestes a sair pela linha de fundo e cruzou para Bruno Henrique finalizar na entrada da área, mas Santos defendeu.

O Corinthians voltou melhor na segunda etapa. Cristóvão Borges adiantou a marcação do Timão, que pressionou o Atlético em seu campo de ataque por boa parte do primeiro tempo, levando perigo principalmente com o paraguaio Romero. Sentindo que o time perdia espaço, Autuori promoveu as entradas de Galhardo, Lucas Fernandes e Rosseto, fazendo o time ficar mais incisivo. Com isso, aos 31 minutos, Walter recebeu lançamento de Paulo André e, após corta luz de Pablo, chutou rasteiro de esquerda, dentro da área, para abrir o marcador. Atrás do marcador, o Corinthians se lançou ao ataque e o Furacão aproveitou. Com a defesa paulista vulnerável, Lucas Fernandes roubou bola no campo de defesa, percorreu todo o lado direito do ataque e tocou, dentro da área, para Walter. O atacante chutou de primeira, no contrapé de Cassio, para marcar seu segundo gol e garantir a vitória, aos 41 minutos.

DESTAQUE POSITIVO: Santos. O goleiro não sentiu a bronca de substituir Weverton e foi seguro quando exigido.

DESTAQUE NEGATIVO: Faixas da diretoria sobre os sócios. Com o time em um momento positivo, mensagens provocativas para alertar sobre o número de associados foram inoportunas.

O GOL
Atlético – 31’2º – Walter– O atacante recebeu lançamento de Paulo André e, dentro da área, chutou de esquerda para abrir o placar.
Atlético – 41’2º – Walter– O atacante marcou após receber de Lucas Fernandes e tocar no contrapé de Cássio.

PRÓXIMOS JOGOS: Flamengo (fora), Palmeiras (casa) e Atlético Mineiro (fora).

%ficha=1198%



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

O que já sabíamos!

“Já se sabe que foi um erro o que aconteceu, os amistosos não terem acontecido, e não ter disputado o Estadual porque a preparação ficou…