16 fev 2017 - 0h38

Autuori admite: "Não estivemos no nosso nível"

O técnico Paulo Autuori lamentou os erros defensivos contra o Deportivo Capiatá, que fizeram a partida terminar 3 a 3, na noite desta quarta-feira (15), na Arena da Baixada. O treinador ainda relembrou que este jogo foi atípico, já que no ano passado o Furacão terminou o Campeonato Brasileiro sofrendo apenas seis gols, em 19 partidas dentro de casa – o Rubro-Negro ainda terminou a competição com a defesa menos vazada.

"Não temos que lamentar nada, a não ser os nossos erros. Erramos onde normalmente não costumamos errar. Defensivamente, tivemos dificuldades e não estivemos no nosso nível, se estivéssemos certamente não sofreríamos os gols que sofremos. Falhar em situações como estas não são fáceis. São situações em que o gol vale muito. Tomar três gols, nós não sabemos o que é isso há muito tempo. E infelizmente foi hoje", afirmou.

Agora, o Furacão terá que vencer fora de casa, por qualquer placar, para buscar a classificação à fase de grupos da Libertadores. Para o Autuori, o time não pode se abater com o resultado e, sim, levantar a cabeça para buscar a vitória dentro dos domínios do adversário.

"Não podemos nos abater, de maneira nenhuma. Quando nós erramos, não temos que lamentar nada, a não ser assumir os erros. Levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima. Temos condições disso", acrescentou.

A partida de volta contra o Deportivo Capiatá está marcada para a próxima quarta-feira (22), às 22h, no Paraguai. Antes, o Furacão recebe o Coritiba no domingo (19), às 17h, na Arena da Baixada, pelo Campeonato Paranaense.



Últimas Notícias

Brasileiro

Desastre aéreo no Maracanã

O Athletico foi massacrado pelo Flamengo, que impôs 5 a 0, ao natural, nesse domingo(14), diante de 62 mil pessoas, no Maracanã, pela 22ª rodada…

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…