O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
11 mar 2017 - 18h17

Será que o Furacão decola?

Já faz algum tempo que não dou meus pitacos por essas bandas, mas vamos lá.

O Autori é o responsável direto pelas últimas contratações do elenco, dos quais podemos alegar indiscutivelmente que o Jonathan e o Gedoz até agora foram os que apresentaram bons resultados dentro de campo.

Porém, Furacão ainda padece de um bom meia, que saiba reter a bola, que saiba armar uma boa jogada e deixar os atacantes na cara do gol.

Isso sem falar na combalida lateral esquerda do Atlético com a chamada avenida Sidcley, por onde os adversários deitam e rolam e é por onde tem saído a maioria dos gols adversários.

E infelizmente esses problemas não foram sanados nem com contratações e nem com treinamentos, e isso que o Autuori já está a mais de 12 meses no comando técnico do clube.

O que espanta o torcedor é esse recuo do elenco chamando o adversário principalmente em casa, quando já tem o resultado da partida praticamente na mão.

Não é só culpa do treinador, como ele alega, é também falta de brio e mais dedicação até o final da partida.

O elenco de todo não ruim, é um elenco bem experiente e que tem tudo para fazer uma boa campanha nesta temporada, tanto na Libertadores, na Copa do Brasil e no Brasileirão.
Sé que não pode ficar entregando partidas ganhas dentro de casa tomando gols absurdamente infantis.

Já chega no ano que passou ser um dos piores visitantes, está na hora de uma postura mais radical, de brio e de raça desses atletas.

Se o Furacão quiser soprar forte novamente tem que reagir e tomar uma nova postura dentro de campo e não se acovardar e querer jogar na retranca na segunda etapa das partidas.

Vejo o Pablo muito disperso e ausente, diferente daquele de 2016, enquanto que o Weverton vem nadando de braçadas garantindo o mais que pode a meta do Furacão.

Para o jogo contra os argentinos aguardamos uma baita pedreira, pois eles vem muito machucados depois da goleada contra o Fla, e pode ser o jogo da redenção do Furacão onde ele poderá mostrar que está vivo e é concorrente direto a uma das duas vagas dessa chave.



Últimas Notícias

Libertadores

Hoje é um novo dia…..

…. de um novo tempo/que começou Nesses novos dias/as alegrias/ serão de todos/é só querer. Esses nossos sonhos/ serão verdade o futuro já começou.  …

Fala, Atleticano

Mais do mesmo

Não consigo ver futuro no futebol que o meu time está praticando. Ou seja, não está jogando nada já faz um bom tempo. Vejamos: zagueiro…

Fala, Atleticano

Reflexões…

Após a Derrota contra o Fluminense… Nosso “DT” Felipão, implorou pelo apoio da torcida no jogo de quarta, pois é “vida ou morte”… O Atlhetico…

Fala, Atleticano

Nunca foi unanimidade

Nunca ele foi unanimidade perante a torcida do CAP, o “queridinho” do Petraglia, só conseguiu um destaque em 2018, sob a batuta do Thiago Nunes,…