O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
21 jun 2017 - 22h29

Libertadores e Copa do Brasil

Quero aqui expor minha preocupação em relação aos quatro jogos mais importante do ano para o Furacão até o momento. Não consigo ver evolução do coletivo dentro de campo, vejo sim, com muita preocupação, o momento ruim que alguns jogadores titulares estão passando, casos do Otávio (ele esta longe daquele Otávio de 2015 e 2016, que roubava muito bem a bola dos adversários e saia muito bem com ele para o ataque), Pablo (muito mau este ano, perde todas as jogadas que tenta, está mais atrapalhando o time que ajudando), Rossetto (não tem condições de ser titular neste time, erra muitos passes e muitas jogadas fáceis, perde muito a bola no meio proporcionando jogadas muito perigosas para os adversários, não está rendendo nada no meio de campo), Lucho (não dá pra jogar no meio, não desarma, não consegue marcar ninguém e também não sabe fazer criar as jogadas de ataque erra todas as tentativas que faz), Grafite (está visivelmente fora de forma, não consegue dar um drible certo), Eduardo da Silva (também está fora de forma física e com isto não consegue arrancar em velocidade para se antecipar aos zagueiros adversários), sem contar o Carlos Alberto (sempre uma incógnita, pois sofre muitas lesões e não consegue entrar em forma e jogar em alto nível). Temos uma problema crônico na lateral esquerda e agora temos também um Jonathan perdendo o pique e caindo de rendimento. E não temos jogadores melhores na reserva que possam entrar e melhorar o rendimento, pelo contrário, os que temos hoje estão bem abaixo dos que estão ruins como titulares.

Cometeram-se muitos erros na escolha dos jogadores contratados para esta temporada, que poderia ser uma temporada de grandes conquistas. Elas até podem vir, mas para isto é preciso urgente que a nossa diretoria reveja o planejamento e que contrate alguns reforços, mas que sejam reforços que venham e resolvam, já que os que temos hoje não estão, e acho que não vão conseguir resolver. Isto já está provado. É hora de atitudes de verdade por parte a nossa direção se não quiser por tudo a perder nestes quatro jogos de suma importância para que o clube mude de patamar e deixe de ser apenas um coadjuvante, passando a ser protagonista.

Eu vejo que tem que se rever muitas coisas no departamento mais importante do clube que é o futebol, a começar pelas categorias de base, pois estamos muito aquém do que deveríamos estar com toda a estrutura que temos hoje em termos de Centro de Treinamento, onde se tem o que é de melhor. O que está faltando é escolher melhor os garotos que realmente têm talento e qualidades técnica para serem formados como grandes jogadores que vão vestir a camisa do time profissional e fazer a diferença quando chegarem ao profissional. Porque a nossa base hoje é bem inferior à da maioria da base dos outros clubes, não só da Série A com na B e também da C, pois quando vão disputar as competições com estes outros times não conseguimos ir muito longe, casos do Brasileiro, Copa do Brasil, Copa São Paulo, Copa BH e outras competições a nível nacional.

Parece que só vêm para nossa base aqueles garotos que ninguém mais quer e que são oferecido por empresários para virem jogar no Furacão e tentarem uma carreira que todos nos sabemos que vai ser de mediana para baixo. Já tivemos uma base forte vencedoras e que revelou grandes jogadores.

Algo tem que ser revisto e mudado com urgência nos atuais conceitos do departamento de futebol em todos os níveis, porque se não vamos ser eternos coadjuvantes e nunca seremos protagonistas, e vamos sempre disputar as competições para não cair de série, e lá de vez em quando fazer boa campanha e chegar em uma vaga para a Libertadores ou Sul Americana.

É muito pouco para um clube com a estrutura que tem hoje uma das melhores do mundo, mas o que falta é mais ousadia dos nossos dirigentes e também uma maior participação da nossa torcida, indo mais nos jogos na Arena e também se associando aos planos de sócios do clube, para se ter caixa para fazer as contratações de bons jogadores e também melhorar os investimentos na nossa base, que é sem sombra de dúvidas uma das mais fracas do Brasil.

SRN



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

O que já sabíamos!

“Já se sabe que foi um erro o que aconteceu, os amistosos não terem acontecido, e não ter disputado o Estadual porque a preparação ficou…