2 jul 2019 - 12h47

De olho no mercado?

As perspectivas para 2019 animaram o torcedor atleticano. Depois de uma campanha de franca recuperação no Brasileiro, saindo da lanterna e terminando na 7ª posição, o clube fez ainda uma campanha vitoriosa culminando com seu primeiro título internacional após vencer nos penaltis o Junior Barranquila da Colombia.

Mantendo o treinador Tiago Nunes e a maior parte do elenco de 2018, o clube ainda negociou muito bem o atacante Pablo e trouxe para o seu lugar o matador argentino Marco Ruben, fazendo com que a torcida não ficasse com saudades do ex jogador que foi para o São Paulo.

Vitórias convincentes especialmente em casa e diante dos gigantes argentinos Boca Juniors e River Plate davam a dimensão de um panorama extremamente positivo para a temporada. Entretanto a constância das derrotas fora de casa, o episódio do doping dos titulares Thiago Heleno e Camacho, a perda da Recopa Sul Americana da maneira como foi, a aposentadoria do zagueiro e líder Paulo André, as constantes contusões de alguns atletas e negociação do titularíssimo lateral Renan Lodi e as constantes sondagens de outros clubes sobre jogadores imprescindíveis no sistema de jogo atleticano ligaram o sinal de alerta.

Além dos problemas citados, o elenco é bastante enxuto e diferentemente da temporada passada, nenhum dos jogadores dos aspirantes (exceção do volante Erik que sequer é titular) mostrou qualidades para assegurar vaga no time de cima.

Queremos saber portanto, que posição é a mais carente dentro do elenco atleticano. Participe da enquete!



Últimas Notícias

Brasileiro

Mais do mesmo

Pela rodada 18 do Brasileirão, em Bragança Paulista, Bragantino 1 x 0 Athletico. Em mais uma jornada com a horrenda camisa amarela, o Athletico precisava…

Sul-Americana

Tá ruim mas tá bom

Pela repescagem (ou playoff) da Sul-Americana, no Paraguai, Cerro Porteño 1 x 1 Athletico. No segundo jogo de Martin Varini no comando técnico do Athletico,…