26 set 2020 - 22h00

Vitória com emoção: Christian marca, Santos defende pênalti e Athletico se afasta da ZR

O Furacão aproveitou o embalo dos últimos jogos e emplacou a quarta vitória consecutiva. Com o triunfo diante do tricolor baiano, o Rubro-Negro ganhou fôlego e se afastou da zona de rebaixamento.

O técnico Eduardo Barros não pôde contar com Nikão (recuperando-se de entorse no tornozelo), Walter (diagnosticado recentemente com Covid-19), Geuvânio (não relacionado) e Aguilar (edema na coxa).

Por outro lado, o treinador teve à sua disposição Bissoli (que voltou a ser relacionado) e o atacante recém contratado Renato Kayzer – que fez sua estreia com a camisa atleticana.

O Bahia se mantém zona de rebaixamento e agora amarga nove jogos sem vencer no Brasileirão.

Confira como foi o jogo:

1º Tempo

Partida truncada, com o Athletico errando muitos passes e poucas chances construídas por ambas as equipes.

A primeira boa chance do jogo aconteceu aos 30 minutos. Cittadini fez ótimo lançamento do campo de defesa, mas Fabinho, no confronto com a zaga, acabou perdendo a bola.

O Bahia tentou responder logo em seguida, avançando pelo canto esquerdo. No cruzamento rasteiro, Santos, sem dificuldades, ficou com a bola.

QUASE! Ao final da primeira etapa, o Furacão criou boas chances e levou perigo ao gol de Douglas. Erick, aos 38, de longe, chutou colocado – por cobertura – e a bola passou muito perto do travessão.

PERDEU DE CARA PRO GOL! Três minutos depois, Abner fez boa jogada, tocou para Erick que, sozinho, chutou em cima de Douglas.

SALVOU O GOLEIRO! Pedrinho cruzou na área, o zagueiro desviou contra o patrimônio e exigiu que o arqueiro tricolor espalmasse para evitar o gol contra.

2º Tempo

A primeira boa chance da segunda etapa aconteceu após cruzamento de Cittadini e desvio de Fabinho para fora, aos 9 minutos.

O Furacão adiantava a marcação e pressionava o Bahia. Deu resultado.

NO ÂNGULO! Abner fez cruzamento preciso para Christian cabecear para o fundo das redes, sem chances para o goleiro. 1 a 0, aos 24 minutos!

O Bahia chegou com perigo após boa tabela. Marco Antônio chutou sobre o travessão.

PÊNALTI… Rossi caiu depois de disputa com Santos. Árbitro mandou seguir, mas foi acionado pelo VAR. Ricardo Marques Ribeiro assinalou penalidade máxima para o Bahia. Aos 37 minutos, Clayson bateu… e Santos fez belíssima defesa, salvando o Furacão e evitando o empate!

O Bahia se lançou ao ataque na reta final. Aos 47, Saldanha cruzou e Ernando chutou por cima do travessão. Lance perigoso.

Ravanelli cobrou falta frontal, da meia-lua da grande área, com muito perigo. A bola passou próxima da trave e balançou as redes do lado de fora. Foi o último lance do jogo, aos 53 minutos.

Vitória magra, mas importantíssima para o Furacão e para a sequência do campeonato.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro – 26/09/2020 – 12ª Rodada

Athletico 1 X 0 Bahia

Local: Arena da Baixada.

Horário: 19h00.

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG).

Cartões amarelos: Erick, Jonathan, Thiago Heleno, Alvarado (CAP).

Cartões vermelhos: – .

Gols: Christian (24’ 2T).

Athletico: Santos; Jonathan (Jorginho), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Wellington, Erick, Christian (Alvarado) e Cittadini (Ravanelli); Pedrinho (Kayzer) e Fabinho (Carlos Eduardo). TC: Eduardo Barros.

Bahia: Douglas; Edson, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Ronaldo (Ramon), Eric Ramires (Rossi) e Rodriguinho (Marco Antônio); Élber (Clayson) e Gilberto (Saldanha). TC: Mano Menezes.

Próximo confronto

Pela Libertadores, o Furacão joga novamente na Arena na terça-feira, dia 29/09, às 21h30, contra o Jorge Wilstermann (BOL). Se vencer, o Athletico garante vaga antecipada para as oitavas de final da competição continental.

Pelo Brasileirão, o time volta a campo no domingo, 04/10, às 16h00, contra o Flamengo, no Maracanã.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…