27 maio 2021 - 23h30

El Clasificado: victoria, paseo y gracias por todo, Lucho González

O Furacão entrou em campo dependendo apenas de si para confirmar a classificação para a próxima fase do torneio sul-americano. Para manter-se em primeiro lugar do seu grupo, um simples empate contra o Aucas – já eliminado e desfalcado de seus titulares – era suficiente.

A comissão técnica não pôde contar com Thiago Heleno – o zagueiro foi expulso ao final da partida contra o Melgar e cumpriu suspensão automática.

O Furacão se classificou. A lógica se concretizou. Mas o grande momento da noite ficou por conta da despedida oficial do argentino Lucho González.

O meia, de 40 anos, tem vínculo como atleta profissional até o final deste mês e a tendência é de que passará – com sua aposentadoria dos gramados – a integrar a comissão técnica das categorias de base e contribua com o time principal.

“El Comandante”, Lucho tem se preparado há vários meses para encerrar a carreira. Está tirando a licença B da CBF (paga pelo Athletico), além de estar finalizando o curso de treinador da AFA – Federação argentina. 

O “animal competitivo” (adjetivo dado a Lucho quando da sua contratação, intermediada por Paulo Autuori) é o argentino com mais títulos na história, atrás apenas de Messi. Ao todo, o ídolo levantou 29 taças durante a carreira – quatro delas pelo Furacão.

Lucho iniciou a partida como titular e foi substituído aos três minutos do primeiro tempo. Homenagem que poderia ser ainda mais bela se tivéssemos a torcida rubro-negra presente no estádio nesta despedida. O veterano vestiu o número três na camisa nos principais momentos de sua magnífica carreira.

Luis Óscar González chegou ao Athletico em 2016 e, de lá para cá, participou de quatro títulos do clube: Sul-Americana (2018), J. League/Conmebol (2019), Copa do Brasil (2019) e Campeonato Paranaense (2020).

Gracias por todo, Comandante!

Confira como foi o jogo:

1º Tempo

Primeiro minuto. Cobrança de escanteio e Vitinho cruzou na área para Zé Ivaldo que fez o giro e completou para o gol, mas sem direção.

GRACIAS, COMANDANTE. O momento mais emblemático, importante e marcante da partida, sem dúvida alguma, aconteceu – como previsto – aos 3 minutos. Lucho González fez sua despedida dos gramados. Certamente, ele seria ovacionado por 100% dos torcedores no estádio – como de fato foi, por cada um de nós, mas de suas respectivas casas. Quem entrou no lugar do capitão foi Christian.

Aos 16 minutos, Kayzer recebeu de Vitinho na entrada da área, escapou pela esquerda e finalizou. A bola desviou na defesa e saiu em escanteio.

No minuto seguinte, Khellven recebeu pela direita e deu um tapa na bola. Ela quase enganou o goleiro que voltou e jogou para fora.

O GAROTO ENTROU… E BALANÇOU! Nikão recebeu pela direita e ajeitou para trás. Christian entrou pelo meio e mandou chute colocado – de primeira – abrindo o marcador! O substituto de Lucho homenageou o ídolo rubro-negro com o famigerado gesto que fazia El Comandante em suas comemorações de gol – batendo continência. 1 a 0, aos 25 minutos.

Aos 30, Nikão cabeceou pela direita e quase fez o segundo. A bola foi desviada pela marcação.

TEM GOL DO ANIVERSARIANTE! Assistência perfeita de Nikão, Abner desviou de cabeça e mandou para o gol. O lateral, que comemora seus 20 anos de idade, aumentou a vantagem na Arena! 36 minutos e 2 a 0.

38 minutos e Richard recebeu, invadiu e chutou cruzado. Lara espalmou para escanteio.

No lance seguinte, Nikão aproveitou cochilada da zaga do Aucas – o goleiro saiu mal – e mandou forte chute para o gol. A zaga cortou.

Furacão dominou completamente – e com sobras – as ações da primeira etapa. 2 a 0 com tranquilidade.

2º Tempo

Saída de bola errada logo no início da segunda etapa – a bola sobrou para o ataque do Aucas e Santos fez duas defesas em sequência.

Aos 9 minutos, Herrera cobrou escanteio fechado e Santos tirou a bola para evitar o gol olímpico.

VITINHO? GOLAÇO! O artilheiro dos gols bonitos, de longe, pela esquerda, girou e mandou um balaço, sem chances para o goleirão! Vitinho foi à beira do gramado e homenageou Lucho. 3 a 0, aos 21 minutos.

Aos 27, Jadson fez lindo passe no meio de campo e deixou Nikão em boas condições, mas ele demorou para dominar e perdeu a chance.

35 minutos e Mina, pela esquerda, bateu para o gol e a bola carimbou a trave de Santos. Chegada perigosa dos visitantes.

Aos 44, Nikão chutou, a bola desviou e quase enganou o goleiro que tirou com um tapa na bola.

Mais dois minutos e Canesin recebeu na entrada da área e mandou forte. A bola explodiu na trave!

E O QUARTO SAIU! GOLEADA! Carlos Eduardo, em belo chute da entrada da área, decretou a classificação rubro-negra para as oitavas de final da Sul-Americana! E mais homenagens para Lucho, aos 46 minutos.

O jogo terminou e todos os jogadores e comissão técnica foram abraçar o astro da noite. Lucho, ainda, recebeu da CONMEBOL o prêmio de “Man of the Match”! Que noite, torcedor!

Ficha técnica

Copa Sul-Americana – 27/05/2021 – 6ª Rodada

Athletico 4 X 0 Aucas

Local: Arena da Baixada.

Horário: 21h30.

Árbitro: Andres Merlos (ARG).

Cartões amarelos: Richard, Christian e Nikão (CAP); Vegas, Batioja e Mina (AUC).

Cartões vermelhos: – .

Gols: Christian (25’ 1T), Abner (36’ 1T), Vitinho (21’ 2T) e Carlos Eduardo (46’ 2T).

Athletico: Santos; Khellven, Pedro Henrique, José Ivaldo e Abner (Nicolas); Richard (Canesin), LUCHO GONZÁLEZ (Christian) e Jadson; Nikão, Vitinho (Carlos Eduardo) e Kayzer (Babi). TC: António Oliveira/Paulo Autuori.

Aucas: Lara; Gonzalez, Carabali (Mina), Medina e Mejia; Vega, Clavijo (Briones) e Herrera; Nhachi (Alex Carrera); Batioja e Ordoñez (Carrillo). TC: Héctor Bidoglio.

Próximos confrontos

O Athletico decide contra o Paraná, na Baixada, a vaga para semifinal do Paranaense. Furacão tem a vantagem de 2 a 0 do jogo de ida. Ainda não há data e horário definidos para o confronto. Confirmada a classificação, o adversário será o FC Cascavel.

Pelo Brasileirão, o Rubro-Negro tem estreia prevista para o dia 30/05, domingo, às 18h15, contra o América-MG, na Arena.

No dia 03/06, quinta-feira, às 19h00, o Furacão vai até a Ressacada encarar o atual campeão catarinense – o Avaí – pela partida de ida da 3ª fase da Copa do Brasil. A volta está prevista para o dia 09/06, na Baixada.



Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…