25 set 2021 - 15h41

Daniel Cruz – Novo reforço do Furacão

Análise: Daniel Cruz

Aos 20 anos, o jovem atacante, é o novo reforço do Furacão, com contrato até 21-09-2025, Daniel Cruz ou Daniel Santos, como era conhecido nas categorias de base do tricolor baiano, é um dos principais destaques individuais da última safra.

O jogador chama atenção especialmente por sua força física, habilidade e verticalidade. Sempre objetivo, ele conduz a bola com qualidade e velocidade.

Dono de um pé direito calibrado, ele não hesita em finalizar: de perto ou de longa distância, com força ou colocado. Chama atenção a facilidade em finalizar com qualidade utilizando o “pé fraco”.

Mas não pensem que trata-se de um chuta-chuta. Ele também sabe servir. Principalmente em jogadas de fundo de campo, rolando ou cruzando a bola para o meio da área, para algum companheiro chegar finalizando.

Daniel, não é o perfil de ponta que fica preso nas beiradas do campo, pode jogar na extrema-direita ou esquerda, mas não é incomum ver o jogador centralizando as jogadas, e até mesmo eventualmente ocupando uma posição de falso 9, diferentemente da maioria dos jogadores de lado de campo, Cruz é forte e tem uma estrutura corporal avantajada, que permite brigar e entrar em divididas com zagueiros fortíssimos.

Quando a pressão do rival sobe, é comum vê-lo ajudando na marcação ou aberto, quase pisando na linha lateral, próximo ao meio campo, desafogando a saída de bola e gerando possibilidade de contra-ataque.

HEATMAP

O mapa de calor dá suporte à análise. Apesar do foco de suas ações ser nas laterais adversária, fica claro que ele não tem problemas em flutuar pelo campo.

Daniel Cruz (20 anos) em 2020, pelo Bahia:

🏟️ 30 jogos (22 de titular)
⚽️ 7 gols
🅰️ 2 assistências
🔑 11 passes decisivos
➡️ 48 finalizações (50% no gol)
🆚 Ganhou 52% das disputas de bola aérea
👟 Acertou 68% dos passes
👊 Sofreu 34 faltas
🟨 5 amarelos

Assuntos:


Últimas Notícias

Brasileirão A1

Até empatar!

Pela nona rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 1 x 1 Anderson Daronco. Como já esperado, o jogo seria bastante brigado e equilibrado. O desequilíbrio…

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…