4 out 2021 - 9h29

Athletico sofre blitz no início, não consegue reagir e é goleado pelo Flamengo

O Athletico foi ao Rio de Janeiro neste domingo (3) para encarar o Flamengo, confronto válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ainda sob o comando de Bruno Lazaroni e com quase todo o time reserva, o Furacão foi dominado pelo Rubro-Negro carioca, que fez 3 a 0 no primeiro tempo e administrou a vantagem na segunda etapa.

Blackout inicial custou caro

O time de Renato Gaúcho começou pressionando o Athletico, que não conseguia manter a posse de bola. Logo aos 4′, depois de arremate de Andreas Pereira de fora da área, a bola bateu na trave e sobrou para Everton Ribeiro abrir o placar. Cinco minutos mais tarde, Gabriel Barbosa cruzou da direita e Bruno Henrique entrou pelas costas da zaga para, livre, testar para as redes. Com a vantagem construída no início, o Flamengo continuou gastando a bola sem correr grandes riscos. O Furacão ainda teve um pênalti marcado pela arbitragem e anulado pelo VAR, mas, nos acréscimos, sofreu contra-ataque e mais um castigo: Andreas Pereira recebeu passe de Arrascaeta para fazer o terceiro e matar o jogo.

Tudo igual na segunda etapa

O Flamengo voltou do vestiário sem a mesna intensidade e o Rubro-Negro conseguiu equilibrar o confronto, inclusive criando algumas oportunidades de gol. A melhor delas surgiu aos 9′, com Carlos Eduardo, que no contra-ataque invadiu a área e bateu cruzado, exigindo boa defesa de Diego Alves. No rebote, Kayzer desperdiçou a chance de diminuir a vantagem adversária. Mas foi só. Com o Athletico sem conseguir reagir e o Flamengo administrando bem a vantagem, a partida terminou sem grandes emoções na etapa final.



Últimas Notícias

Opinião

O Furacão voltou

Não podia ser num jogo qualquer… Nosso retorno para casa tinha que ser numa semi-final de Copa do Brasil, contra o badalado e protegido Flamengo,…

Sul-Americana

Confira como ir ao Uruguai

Logo após a classificação diante do Peñarol pelas semifinais da Sul-americana 2021, a enorme procura dos torcedores pelas passagens aéreas de Curitiba a Montevidéu acabou…