O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
28 fev 2022 - 16h21

Era Alexandre Mattos e cia.

Pois é, no CAP, tudo muda da noite para o dia. Um clube muito volátil. Até a poucos dias era Paulo Autuori e Ricardo Gomes, os que comandavam o futebol atleticano, dai o MCP resolveu “cometer umas loucuras” como ele disse, e contratou Alexandre Mattos, nada contra, mas, foi chover no molhado, já que tínhamos dois excelentes profissionais.

Agora como fica à situação?

Paulo Autuori, conhecia o CAP, o MCP e também o elenco. O Ricardo Gomes, seria o seu escudeiro e também auxiliaria o Valentim a beira do gramado, já que tem um boa experiência com técnico e uma vivência no futebol dentro da quatro linhas. Já o Alexandre Mattos só conhece o futebol de trás de uma escrivaninha. Este situação ao meu ver é muito importante. A vivência do futebol em sua integra e dentro de campo é muito importante. já o contrário é temerário.

E ainda eu digo mais, não sou fã de Alberto Valentim, tem outros profissionais muito melhor que ele, e não precisa ir para fora do Brasil em os conseguir. Só basta uma boa vontade e coragem de colocara a beira do gramado, um técnico ambicioso e atualizado, com o elenco que o CAP tem hoje é complicado ver o Valentim a beira do gramado, fazendo em suas substituições, seis por meia dúzia como sempre.

Até não sei o tempo do Valentim a beira do gramado e no comando da equipe, o que sei e percebo que se não conquistar a RECOPA e der o mesmo vexame da final da Copa do Brasil, ele estará fora do clube.

Com relação aos demais contratado Carlinhos e Yamada, foram boas está contratações, como a vinda do novo técnico dos Aspirantes. Mas, falta o do grupo principal. Valentim para mim, não tem o nível do CAP para o comandar. Em relação ao Marcinho, foi acertado o seu afastamento e nem o deveriam ter contratado, pela sua situação extra campo.

No mais, boa sorte e sucesso neste início de temporada CAP.



Últimas Notícias

Brasileiro

Empate com gosto amargo

Na última partida do domingo (18), Athletico e Cuiabá se enfrentaram pela 27ª rodada do Brasileirão no Joaquim Américo diante de pouco mais de 17…