10 abr 2022 - 22h20

Athletico é goleado pelo São Paulo na estreia do Brasileirão e Alberto é demitido

O Athletico foi derrotado pelo São Paulo por 4 a 0 em sua estreia no campeonato brasileiro nesta tarde de domingo, no Morumbi. A derrota resultou na demissão do técnico Alberto Valentim, que comunicou a decisão da diretoria na coletiva pós-jogo.

Os mandantes não tomaram conhecimento do rubro-negro paranaense, explorou todas as já escancaradas limitações da equipe treinada por Alberto Valentim e aplicou uma sonora goleada sem fazer grandes esforços. Destaque para o goleiro Bento, que evitou um vexame ainda maior.

O rubro-negro estreava hoje no campeonato brasileiro após uma péssima impressão deixada no empate diante do Caracas, pela primeira rodada da fase de grupos da libertadores.

No entanto, o posicionamento da diretoria era claro: o trabalho de Alberto era bem-visto internamente e o treinador ainda não contou com todo o elenco a disposição.

Mas o que aconteceu na tarde deste domingo foi que o Athletico repetiu o futebol apresentado na Venezuela. A diferença é que o São Paulo é um time bem treinado e diferente do Caracas soube aproveitar as várias chances oferecidas pela equipe rubro-negra.

Primeiro tempo

O São Paulo foi soberano do início ao fim do jogo. Pressionou o rubro-negro desde os primeiros minutos e o zero não demorou a sair do placar. Aos 18 minutos, Rafinha cruzou na área, Khellven falhou e entregou a bola nos pés de Calleri dentro da pequena área, foi o primeiro do atacante na noite.

O tricolor paulista seguiu melhor na partida e teve algumas chances de ampliar ainda na primeira etapa, mas o goleiro Bento empediu.

Na única e melhor chance do Athletico no jogo, Marcelo Cirino aproveitou um chutão da zaga e saiu de frente com o goleiro Jandrei, mas chutou pra fora aos 45 minutos.

Segundo tempo

Retornando do intervalo, a primeira alteração: Marlos entrou no lugar de David Terans, que fora de sua posição de origem pouco fez no primeiro tempo.

O rubro-negro melhorou, mas muito mais pela qualidade individual de Marlos que por qualquer mudança tática.

O rubro-negro chegou algumas vezes ao ataque, mas sem perigo algum. Khellven seguia mal na lateral direita e sequer acertava um cruzamento.

Aos seis minutos, o segundo do São Paulo, de novo com Calleri. Wellington fez belo cruzamento e o totalmente fora de ritmo Lucas Halter apenas assistiu o argentino fazer o seu segundo gol na noite.

Alberto seguiu fazendo alterações na equipe, promovendo a estreia do uruguaio Cannobio e a reestreia de Vitinho. De nada adiantou, como em outras oportunidades sob seu comando, a equipe era apenas um amontoado em campo.

E o São Paulo aproveitou. Aos 24 minutos, Calleri pediu música no fantástico. Após aproveitar a furada de Igor Gomes dentro da área, o argentino pegou de primeira e acertou um belo chute na gaveta.

Para finalizar, o passeio virou goleada. Aos 28 minutos Luciano fechou o placar com um belo cabeceio na gaveta.

Com a goleada o São Paulo passou apenas a administrar o placar e o frágil Athletico do agora ex-técnico Alberto Valentim nada conseguiu fazer.

Na coletiva de imprensa pós jogo, o próprio Alberto comunicou a decisão da demissão em comum acordo com a diretoria.

Próximas partidas

Pelo brasileirão, o Athletico volta a campo apenas no próximo final de semana, quando recebe o Atlético Mineiro na Arena da Baixada, às 18h de domingo (17).

Pela Libertadores, o rubro-negro joga na quinta-feira (14) na Arena da Baixada, o adversário é o The Strongest, da Bolívia, pela segunda rodada da fase de grupos a competição. A partida inicia às 19h.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

O que já sabíamos!

“Já se sabe que foi um erro o que aconteceu, os amistosos não terem acontecido, e não ter disputado o Estadual porque a preparação ficou…