14 maio 2022 - 23h48

Novo técnico, velha rotina. Rubro-negro joga mal (de novo) e é derrotado pelo Fluminense

O Athletico perdeu para o Fluminense nesta noite de sábado (14) pelo placar de 2 a 1. No estádio Raulino de Oliveira em Volta Redonda, onde não perdia desde 2006, o rubro-negro encarou mais uma derrrota neste campeonato brasileiro. Novamente desorganizado e apático, foi presa fácil para o tricolor das Laranjeiras de Fernando Diniz.

 

Logo de cara, a escalação não agradou. No ataque, Pablo segue titular enquanto uma promessa de 17 anos que custou 24 milhões de reais ao cofre do clube, segue no banco.

 

No meio de campo, parecia que o novo técnico do Athletico era o Celso Roth. Três volantes formaram o setor, com Erick, Matheus Fernandes e Hugo Moura.

 

A escalação indicava que o rubro-negro não teria muita criação no setor ofensivo, mas que pelo menos a defesa estaria bem postada. Não foi o que aconteceu.

 

Primeiro tempo

 

O Fluminense mandou na partida desde os minutos iniciais e não demorou a abrir o placar. Após algumas ofensivas, fez seu primeiro gol logo aos sete minutos. O atacante Germán Cano (que Paulo André não quis contratar) recebeu belo cruzamento na entrada da área e entre dois zagueiros, dominou, cortou e bateu no canto do goleiro Bento.

 

O Fluminense seguiu superior e o Athletico conseguia chegar apenas nos contra ataques. Aos 21, a melhor chance rubro-negra no primeiro tempo.

 

Pablo recebeu dentro da pequena área, o goleiro furou, o zagueiro não afastou. Pablo, a bola e o gol. Mas mesmo embaixo da trave ele conseguiu chutar por cima da trave.

 

A partida seguiu equilibrada e com poucas chances para ambas as equipes. Aos 46 a última chance do primeiro tempo, Pablo puxou contra ataque pela ponta esquerda mas na hora de finalizar recuou para o goleiro Fábio.

 

Segundo tempo

 

Felipão voltou do intervalo buscando mais ofensividade para a equipe e colocou Marlos no lugar do volante Erick.

 

Infelizmente, essa e outras alterações realizadas durante a segunda etapa não surtiram efeito. O Athletico seguia inoperante no ataque e o Fluminense chegava aos poucos, mas sem perigo.

 

Até que aos 32 o centro avante fluminense anotou mais um. Em uma das poucas chances que teve no segundo tempo, não desperdiçou. Após duas escoradas de cabeça, Cano dominou e mandou um belo chute na gaveta.

 

O rubro-negrou chegou a descontar com o zagueiro Matheus Felipe aos 45 da segunda etapa, mas não havia tempo para mais nada.

 

O Fluminense chegou a sua segunda vitória no campeonato e alcançou a 11ª colocação na tabela, com 8 pontos.

 

O rubro-negro segue estacionado nos 6 pontos, agora na 14ª colocação e mais próximo da zona de rebaixamento.

 

Próxima partida

 

O Athletico volta a campo na próxima quarta (18) às 19h em jogo de vida ou morte contra o Libertad pela Copa Libertadores. O rubro-negro é o lanterna do grupo B com apenas 4 pontos.

 

Pelo brasileirão o Athletico recebe o Avaí no próximo domingo (22) também as 19h. Ambos os duelos são na Arena da Baixada.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Resumão

Resolvi escrever o texto somente hoje… Depois do jogo do Ceará, em que o time fez uma boa partida, curiosamente não foi comandado por Felipão…

Fala, Atleticano

Expectativa

Pois é, o que tenho agora é uma expectativa em relação ao futuro do CAP neste ano. Mudamos de técnico, alguns jogadores chegaram, outros foram…