O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
23 maio 2022 - 11h26

Khellven e outros assuntos

Sempre opinei para dar muita força ao Khellven, só que apesar de inúmeras oportunidades de se afirmar como titular absoluto da posição, como no caso do Thiago Heleno, parece que ele ainda não assimilou isso.

Sempre está levando bola na costa e deixando a zaga a ver navios. Pelo visto o Felipão terá que conversar muito com ele, e até dar uma espiada na base para verificar se o jogador da base está apto para assumir a posição. Isso é um hipótese, que fique bem claro. Mas, precisamos contratar um lateral de ofício para está posição do Khellven, infelizmente, ele ainda apesar de já estar há tempos no grupo principal, tem uma deficiência na cobertura da zaga.

Outro assunto que ainda eu vejo e que tenho plena consciência que demanda de tempo para que seja “corrigido” ou readequado o “planejamento” que foi realizado ou supostamente realizado para está temporada, não será tão logo à solução.

Jogamos para o gasto contra o fraco Avaí, parece que existe uma chave para que o jogadores entre concentrados para jogar a Libertados, Copa do Brasil e Brasileirão. Como disse o nosso Presidente de Clube, que o Brasileirão seria o nosso principal objetivo este ano. Parece que isso só está no papel, já que na vida prática a gente já sofreu quatro derrotas em sete rodadas, isso significa 57% de perda de pontos. Para um clube que almeja o título de campeão, como proferiu o Presidente do Clube, já predemos muitos pontos de 21 pontos disputados, ganhamos somente nove pontos e perdemos até o momento, doze pontos. São muitos pontos perdidos e que não serão mais recuperados. E por isso que, daqui para frente, perder no Brasileirão não será negócio, pois este ano está muito equilibrado e um deslize pode custar caro no final desta temporada.

E como eu sempre frisei. Tempo é que não temos para ajustar a casa neste momento, à não ser contar com a experiência do Felipão e a boa vontade de alguns jogadores para assimilar os seus conhecimentos, visto que tem muitos ainda que estão no “aprender à sofrer” e neste momento, isso já não é válido, pelas ambições divulgadas pelo Petraglia.

Portanto o Felipão com toda sua experiência à beira do gramado e já ter sofrido derrotas que o deixaram envergonhado pelo resultado, terá que ir buscar soluções na base do clube ou pedir contratação pontuais para isso. Até li que ele já tem este pensamento. Mas, como para nós tudo é para ontem, devido ao “planejamento nas coxas” da antiga Comissão Técnica do Clube, somada ao delírios do Presidente, nos colocaram nesta gangorra. Vence com convicção nos mata, mata e no Brasileirão que é disputa de pontos corridos e de risco de rebaixamento, ficam tomando derrotas que não são possíveis de serem assimiladas.

Então tenhamos consciência, que o planejamento foi errado, que os ajustes são para ontem e que tem muito jogador neste elenco que não merecia mais ser titular. Quem nos dera a gente ter 11 Agustin Canobbio e mais 11 reservas dele, e alguns Cuello, pensando bem, se tivéssemos mais oitos estrangeiros que nem eles no time, aí estaríamos na sobra com toda a tranquilidade deste mundo.



Últimas Notícias

Notícia

Deu tela azul, no Azuriz

Pela sexta rodada do Campeonato Paranaense o Athletico recebeu o Azuriz. E desde o início demonstrou que está em franca evolução. Já aos 4 minutos,…