29 jun 2022 - 0h24

Athletico vence Libertad e tem vantagem importante na Libertadores

Nesta terça-feira (28), começou o mata-mata da Copa Libertadores para o Furacão. O Athletico venceu o Libertad na Arena da Baixada pela partida de ida das oitavas-de-final por 2 a 1, gols de Vitor Roque e Nico Hernandez.

Rubro-negro leva vantagem importante de um gol para a partida da volta no Paraguai, precisando apenas do empate para a classificação. Apesar disso, as chances desperdiçadas deixaram a torcida com a sensação de que a vantagem poderia ter sido maior.

Com a vitória, Athletico de Felipão mantém a sequência invicta de 12 jogos sem perder.

Primeiro tempo

O primeiro tempo foi bastante aberto com boas chances para as duas equipes. Furacão abriu o placar logo aos 7 minutos com David Terans dando passe para finalização de Vitor Roque, que fazia sua estreia pela Libertadores, destaque para a marca de ser o jogador mais jovem da história do Athletico a marcar pela competição (17 anos e 120 dias).

Após o gol, houve uma queda de produção do Athletico e logo o Libertad começou a dominar as ações da partida, chegando ao empate aos 20 minutos com um cruzamento na área depois de uma desatenção da defesa rubro-negra. No momento que o Furacão ainda buscava melhorar no jogo, conseguiu assumir a frente novamente aos 30 minutos, com uma falta ensaiada que resultou no gol de Nico Hernandez, seu primeiro com a camisa rubro-negra.

Athletico ainda desperdiçou boas oportunidades na primeira etapa, Cuello acertou o travessão do goleiro Martín Silva com chute colocado de fora da área e Roque perdeu uma chance clara de cabeça depois de linda jogada de Terans. No final do primeiro tempo ainda houve uma checagem do VAR de possível pênalti para o rubro-negro, porém foi assinalado impedimento.

Segundo tempo

A segunda etapa da partida já foi diferente da primeira, as duas equipes diminuíram o ritmo e foi nítida a dificuldade do rubro-negro de criar chances. Os lances de maiores destaques foram as duas belas defesas de Martín Silva em chutes de Cuello e Terans, e de um chute forte de fora da área da equipe paraguaia que acertou o travessão do goleiro Bento. O placar permaneceu o mesmo da primeira etapa, garantindo a vitória para o Furacão.

Próximos desafios

A partida de volta das oitavas-de-final está marcada para a próxima terça-feira, 5 de julho às 21h30, em Assunção no Paraguai, mesma cidade que o Furacão conseguiu sua única classificação para as quartas-de-final da competição, em 2005.

Pelo Campeonato Brasileiro, o Athletico enfrenta o líder Palmeiras fora de casa, no sábado, 1º de julho às 21h30.



Últimas Notícias

Brasileiro

Desastre aéreo no Maracanã

O Athletico foi massacrado pelo Flamengo, que impôs 5 a 0, ao natural, nesse domingo(14), diante de 62 mil pessoas, no Maracanã, pela 22ª rodada…

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…