14 maio 2023 - 21h48

Chora, Coxinha! Se não é sofrido, não é Athletico: Furacão vira no fim e faz o rival sofrer mais ainda

Pela sexta rodada do campeonato brasileiro, na Arena da Baixada, Athletico 3 x 2 Coritiba.

Num jogo de opostos, o Athletico era o franco favorito a vencer o clássico.

Com um bom começo, o Athletico acertou a trave logo aos 3 minutos de jogo.

Mas então voltaram a aparecer os velhos problemas apresentados em todas as partidas. Um primeiro tempo sonolento, marcação a distância, atacantes isolados e sem ligação.

O Coritiba, que jogava por uma bola, encontrou.

Aos 19 minutos, após falhas sucessivas defensivas do Athletico, Marcelino Moreno finalizou no meio de toda a zaga, inaugurando o placar. Athletico 0 x 1.

O Athletico seguia com grandes dificuldades em encaixar o seu jogo. Terans, em mais uma partida abaixo da crítica, se omitia do jogo.

Fernandinho tentava, mas as tentativas de ligação direta da defesa surtiam pouco efeito.

Fim do primeiro tempo.

O Athletico, contando com sua tradição recente de melhorar no segundo tempo, foi pra cima.

Entraram Zé Ivaldo e Madson para a saída de Pedro Henrique e Khellven.

E logo aos 3 minutos empatou o jogo. Fernando faz boa jogada pela esquerda e cruza rasteiro. Pablo antecipa a zaga e marca.

O Furacão se animou com o gol e ensaiou uma pressão. Aos 11 minutos o bom goleiro Gabriel fez grande defesa, em chute de Pablo de fora da área. No rebote, Erick finaliza a queima roupa para outra grande defesa de Gabriel.

Terans, que não apareceu no jogo, sai para entrada de Vitor Bueno.

Logo após, uma ducha de água fria na reação rubro-negra. Em boa triangulação do ataque coxa, Robson finaliza sem defesa para Bento.

Aos 26, Erick acerta a trave.

Aos 27, entram Willian e Canobbio para as saídas de Pablo e Christian.

O Athletico ensaiava uma pressão na base da transpiração.

Aos 46, Fernando lança área, Vitor Roque desvia e deixa William na cara do gol. O Bigode não perdoa. Athletico 2 x 2.

Aos 48, quase a virada em cabeçada de Erick.

Mas a covardia do esquema coxa branca foi castigada aos 51 da etapa final.

Erick ganha da marcação de Henrique, invade a área e rola para Canobbio, livre, anotar o gol da virada. Athletico 3 x 2.

Explosão na Arena da Baixada.

Com o resultado, Athletico sobe para a quinta posição, com 12 pontos, mantendo a invencibilidade na Arena da Baixada.

Na quarta feira enfrenta o Botafogo, na Arena, pela Copa do Brasil.

Pelo Brasileirão, joga no próximo sábado contra o Bragantino, fora de casa.

 



Últimas Notícias

Paranaense

Atletiba acaba empatado

Coritiba e Athletico ficaram no empate de 1 X1 no Couto Pereira no final da tarde, quase noite pelo Paranaense 2024. Mastriani abriu o placar…