15 out 2020 - 0h58

Derrota amplia movimento da torcida por #ForaPauloAndré e #ForaEduardoBarros

“Vox populi, vox Dei”. A famosa expressão que vem do latim e significa “A voz do povo é a voz de Deus” reflete a crença milenar de que o julgamento popular significa uma resposta divina às mais diversas questões [confira no final do texto um pouco mais da explicação sobre o assunto].

Numa analogia aos tempos atuais e levando o tema ao futebol, quando se pergunta o que acontece com o futebol atleticano, a resposta dos torcedores é clara e objetiva: falta de comando, começando pela direção de futebol e culminando com o treinador.

É o que se vê com facilidade nas redes sociais, após o quinto jogo consecutivo do Athletico sem vitória – o revés mais recente nesta quarta-feira (14), contra o Corinthians, na Arena – na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro, com o pior ataque da competição e uma sequência de apresentações extremamente fracas. Um cenário nada favorável e que reflete as manifestações mais sinceras do povo atleticano: mudanças na direção de futebol e no comando técnico do time – urgentes!

Minutos depois do apito final e da derrota em casa por 1 a 0 para o Corinthians [leia mais no texto: Decepção. Pressão], que colocou o Rubro-Negro na incômoda 18ª colocação, entre os assuntos do momento em Curitiba no twitter estavam: Eduardo Barros (3ª colocação) e Paulo André (8ª colocação). Ao diretor de futebol, um destaque especial, pois a hashtag #ForaPauloAndré voltou a ganhar força e coro entre os internautas:

Enquete do perfil da Furacao.com no twitter (@furacaocom) também quis saber a opinião dos torcedores sobre culpados pelo péssimo momento do time na temporada: 39,7% aponta Paulo André; 9,9% Eduardo Barros e 43,3% ambos – outros motivos tem 7,1% [a enquete tem duração de 24h e ainda está em andamento em nosso perfil]:

Sobrou até crítica ao trabalho do diretor e analogia à transmissão do jogo pelo Furacão Play, que travou e caiu em vários momentos do segundo tempo:

E você, leitor da Furacao.com, o que acha de tudo isso? Manifeste sua opinião no Fala, Atleticano ou em nossas redes sociais:

instagram.com/furacaocom

twitter.com/furacao.com

facebook.com

 

“Vox populi, vox Dei”

Como já escrevemos acima, a famosa expressão que vem do latim e significa “A voz do povo é a voz de Deus” reflete a crença milenar de que o julgamento popular significa uma resposta divina às mais diversas questões. Tal preceito iniciou-se na região de Acaia, no Peloponeso, com a manifestação curiosa do deus Hermes: o consulente entrava, fazia a pergunta ao oráculo e saia do templo com as orelhas tapadas; as palavras ditas pelos primeiros transeuntes que passavam por ele, seriam as tais “respostas divinas”, ou seja, perguntava-se a um deus, mas era o povo quem respondia.

E aí, deuses do futebol, de quem é a culpa pelo péssimo momento do futebol atleticano?

 



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…