2 ago 2003 - 9h35

Alex Mineiro estréia contra o Vasco

As dúvidas do técnico Oswaldo Alvarez para escalar o time para o jogo contra o Vasco ainda são muitas. A começar pelo esquema tático: ele ainda não optou entre o 3-5-2, usado contra o Santos e o 4-4-2, adotado na maioria dos jogos do time neste Campeonato Brasileiro. O lateral Alessandro e o volante Luciano Santos, machucados, são dúvida.

Porém, algo já está definido: o atacante Alex Mineiro voltará a vestir a camisa rubro-negra. Depois de sete meses atuando pelo Tigres, do México, o herói do título brasileiro de 2001 volta a jogar pelo Atlético. Ele formará dupla de ataque com Ilan, que já foi seu reserva e hoje é o principal artilheiro da equipe.

Em 2001, Ilan e Alex Mineiro formaram uma dupla que só não fez história pelo pouco tempo que atuaram juntos, pois dentro de campo deixaram lembranças memoráveis. Basta recordar que os dois atuaram juntos nos jogos contra o Santa Cruz e a Ponte Preta, ambos fora de casa e vencidos por 5 a 1.

Se o entrosamento não será um grande problema, a forma física de Alex ainda preocupa. Ele voltou abaixo do peso ideal e ainda não está totalmente pronto para participar de uma partida. Sua escalação foi motivada também em função da ausência de Dagoberto, que está com a Seleção Brasileira nos Jogos Pan-Americanos.

Restante do time

Se o ataque já está definido, o outros setores ainda são uma incógnita. Diego está garantido no gol, mas ainda não sabe quem jogará a sua frente. O lateral-direito Alessandro se machucou no coletivo de sexta e pode dar lugar a David. Ivan está quase recuperado, mas existe a chance de Michel Bastos começar jogando.

A zaga será formada por Capone e Rogério Corrêa, caso o time jogue no 4-4-2. Se Vadão optar por uma formação com três zagueiros, Igor será mantido na equipe. No meio, o capitão Leomar tem escalação garantida. Luciano Santos, Douglas Silva, Rodriguinho, Fernando e Fabrício disputam as outras vagas.

Vasco

O Vasco da Gama iniciou a semana em crise. A polêmica envolvendo o meia Marcelinho e o atacante Edmundo fez com que os atletas fossem proibidos de dar declarações à imprensa, gerando um ambiente ruim no clube.

O técnico Mauro Galvão definiu a quipe desde o começo da semana. A novidade será a estréia do atacante Régis, ex-Coritiba, no comando de ataque, ao lado do veterano Donizete. Régis estava sem clube e se ofereceu para jogar em várias equipes. Seu sonho era conseguir uma vaga no Santos, mas se contentou com o Vasco.

No meio-campo, a grande arma do time é Marcelinho Carioca, que espera poder contar com Beto ao seu lado. Caso ele não jogue, o jovem Morais terá uma chance. O zagueiro Wellington Paulo, ex-Atlético, está confirmado e enfrentará o Furacão pela primeira vez desde que deixou o time.

23ª Rodada – (03/08) – Vasco x Atlético – São Januário
A:
Paulo César de Oliveira (SP); H: 18h; T: Rádio CBN e Sportv.

VASCO: Fábio, Wellington Monteiro, Wescley, Wellington Paulo e Ozéia; Da Silva, Rodrigo Souto, Beto (Morais) e Marcelinho; Donizete e Régis. T: Mauro Galvão.

ATLÉTICO: Diego; Alessandro (David), Igor (Fabrício), Capone, Rogério Corrêa e Ivan (Michel Bastos); Leomar, Luciano Santos (Douglas Silva) e Fernando (Rodriguinho); Ilan e Alex Mineiro. T: Vadão.


Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…